Fala galera! Depois de um longo tempo sem postar, trago hoje a antiga carreira Reconstruindo o Tricolor Gaúcho, que foi no Brasfoot 2016. Ela teve 8 episódios e será postada em 2 tetralogias, e esta será a primeira. Talvez a continua a série depois de postar elas 😉

Continue lendo para ver os 4 primeiros episódios, com 6 jogos totais...

Episódio 01: Muitas mudanças no time

Grêmio Football Club Porto-Alegrense, fundado em 1903. O time já teve altos e baixos, porém este ano provavelmente será o mais marcante, o ano da restauração.

A CONMEBOL anunciou no fim de 2015 que irá mudar totalmente as suas duas competições principais: A Copa Libertadores e Sul-Americana. Para os times brasileiros haverá pontos bons e ruins dessa mudança:

O bom é que a associação máxima de futebol sul-americano abrirá mais duas vagas pra Libertadores, assim aumentando as chances de classificação.

A ruim é que os times terão que ter uma equipe de futebol feminina para poder jogar. Se não, nada de pisar em solo continental.

O tricolor infelizmente só trabalha com futebol masculino. Ou trabalhava. O presidente Romildo Bolzan fez uma decisão no mínimo polêmica: Refazer todo o time masculino. Do Sub-17 até o Profissional. O time que já era famoso por ser economizador e cuidadoso na hora de contratar, vai ser mais. Ou pelo menos só nos primeiros anos.

Não sobrou nenhum jogador. Nem mesmo o técnico Roger Machado. O novo técnico é conhecido como Edu e vem de Caxias do Sul. O seu último trabalho foi na Sub-23 do Juventude, time que é o 2º rival do Grêmio.

Com técnico novo, agora só falta os jogadores. Vendendo todos do time principal, a equipe arrecadou cerca de R$ 154.000.000,00; mais a equipe de base, que juntou mais R$ 5.000.000,00.

Mas o time teve que pagar multas por rescisões de contrato. R$ 46.000.000,00 só pela equipe principal, mais R$ 1.000.000,00 pelas bases.

Total: R$ 112.000.000,00 no banco, sendo que R$ 15.000.000,00 já estavam na equipe. O presidente do clube disse que uma quantia de dinheiro do time será utilizada para a equipe feminina em 2017, mas ele ainda não divulgou os valores.


Próximo Episódio: Equipe nova!

Episódio 02: Uma nova equipe

Agora com bastante dinheiro no caixa, está na hora de comprar jogadores. O presidente Romildo Bolzan me deu uma dica: Fazer uma boa categoria de base e comprar jogadores promissores. Resolvi segui-la.

Um jornalista me perguntou se no elenco haveria estrelas, e eu disse que ainda não sei sobre. O presidente me falou que não, para não gastar e deixar o melhor equilíbrio no time. Também teve outros repórteres que me desejaram boa sorte.

Com ajuda do chefe, consegui montar o time que não era lá aquele dos sonhos, mas seria essencial para o decorrer da temporada. O time for formado por jogadores da Série A e B, além de um grego, um argentino, um chileno, um romeno, um colombiano e um uruguaio. Também peguei dois jogadores emprestados: Wanderson Cunha(BRA) e Mati Fernandéz(CHI). Não houve muitos nomes de destaque, mas posso citar: Pará, Kadu e Riascos.

Sobre a categoria de base, não há muito o que dizer. Consiste em jogadores com três estrelas e meio até quatro e meio(não consegui achar de cinco), além de que só tem da Série A, todos brasileiros.

Abaixo, todas as transferências que consegui realizar até o dia 10/01:
 

tranf1.png

tranf2.png

tranf3.png

tranf4.png


E os elencos final:
 
timeatual.png

base.png

Veja como ficou as finanças após esse vai-vem:
 

finan%C3%A7as.png

Sobrou R$ 47.044.000,00; como vocês podem ver acima. Depois dessas transferências, o presidente Romildo Bolzan me mandou uma prancheta com todas as metas da temporada e os próximos 3 jogos:

Metas:
  •  Ter no mínimo 40 milhões no final do ano(30 milhões vão ser utilizados para o time feminino)
  • Chegar na final do campeonato estadual
  • Terminar no mínimo na metade da tabela no campeonato nacional
  • Ir até às Oitavas de Final na copa nacional
Calendário:
  • 10/01 - Grêmio vs. Cruzeiro RS / Campeonato Gaúcho
  • 12/01 - Internacional vs. Grêmio / Campeonato Gaúcho
  • 14/01 - Grêmio vs. Veranópolis / Campeonato Gaúcho
Ele ainda não sabe se iremos para a Copa Libertadores. Na 2ª rodada é o clássico Grenal, então é melhor fazer um bom começo contra o Cruzeiro RS.

Episódio 03: Primeiros jogos no Gauchão

Antes de começar o jogo contra o Cruzeiro RS aqui em Porto Alegre, teve as perguntas dos jornalistas.

P: Acha que consegue ser campeão com esse time? - Por Douglas

R: Campeão eu não digo, porque a equipe ainda está se acostumando. O Campeonato Gaúcho pode ser um treinamento do time para as principais competições, e o Campeonato Brasileiros e Copa do Brasil são muito mais difíceis principalmente pela nossa equipe ser mais fraca em relação aos favoritos. Porém iremos tentar, se conseguirmos será ótimo.

P: Gostei do elenco, acho que você vai longe com essa equipe e melhorando no decorrer da temporada. Pretende lançar algum dos garotos da base ainda nesse ano? - Por Henrique Gaúcho

R: Este ano provavelmente não, temos ótimos e promissores jogadores na reserva. Mas eles serão utilizados nos amistosos deste ano e os que mais se destacarem posso pensar em promovê-los.

P: Fez uma reformulação total no elenco, no começo, não dá pra cobrar muita coisa, pois o time ainda tem que se entrosar, pegar ritmo de jogo, mais a partir da 4ª ou 5ª rodada, o time já está pronto, e ligado no campeonato. - Por Paulo Eduardo

R: Concordo, tive pouco tempo para treinar o time e as datas também não colaboram. O bom é que a maioria dos times do Gauchão são mais fracos que o nosso, então podemos ficar mais tranquilos.
___________________________________



Agora é hora do jogo de estreia aqui na Arena contra o Cruzeiro. Vieram mais de 30 mil pessoas para verem o novo time. Começa a partida!

O 1º tempo foi ruim para a gente. Erramos muitos passes e não conseguíamos marcar o gol. Só tínhamos maior posse de bola porque a defesa estava esperta e fez seu trabalho.

No 2º tempo melhorou. O volante argentino Ariel Cabral abriu o placar na estreia. O jogo depois ficou equilibrado, mas o adversário não conseguia atacar contra a gente. No fim do jogo o romeno Costin Lazãr levou cartão amarelo. Teve pênalti aos 48' a favor do time, e o chileno Mati Fernandéz não desperdiçou. Resultado Final: Grêmio 2x0 Cruzeiro RS.
 
Gr%C3%AAmio%2Bx%2BCruzeiro%2BRS%281%C2%A


Foi um jogo bom, mas poderia ser melhor. Bola pra frente, próximo jogo é Grenal.

O time vai ser o mesmo do 1º jogo. O Grenal vai ser no Beira-Rio, estádio no bairro Menino Deus na divisa entre a Zona Sul e Centro. Lembrando que a Arena do Grêmio fica no bairro Humaitá, na Zona Norte. Quase 37 mil pessoas vieram pro clássico. Começa a partida!

O 1º tempo era o Internacional nos pressionando, eles tinham mais posse de bola, mais finalização e mais precisão nos passes. Já nós, jogamos com mais agressividade até o Ariel Cabral; o mesmo que fez o gol da partida passada, foi expulso direito aos 45', no finzinho do 1º tempo por dar uma cotovelada no goleiro em uma disputa de bola.

No 2º tempo foi a mesma coisa, e o Costin Lazãr e Baraka levaram cartão amarelo, aos 15' e 23' respectivamente. 3 minutos depois do Baraka ser punido o time levou um gol do Aylon, após tanta pressão. Nos 15 minutos finais conseguimos equilibrar o jogo, mas não fizemos o gol do empate.Resultado Final: Internacional 1x0 Grêmio.
 

Inter%2Bx%2BGr%C3%AAmio%282%C2%AA%2BRoda

Pelos menos jogamos com raça, independente do resultado.

O próximo jogo vai ser razoavelmente fácil, contra o Veranópolis em casa. Mas ao mesmo tempo não será tão fácil assim, pois o time também perdeu contra o Internacional (dessa vez por 5x1), mas ganhou do Lajeadense (1x0). Eles tem o mesmo nº de pontos do que a gente. O bom é que jogaremos na Arena. Teremos o Ariel Cabral como desfalque, por 2 jogos. Outro que precisamos tomar cuidada é o Lazãr, que já tem dois amarelos.

Para compensar a expulsão do Ariel, peguei por empréstimo o colombiano Soto, que vem do Mainz 05 da Alemanha. Mais detalhes da negociação:
 

tranf2.1.png


Começa a partida!

O 1º tempo parece igual ao primeiro tempo do primeiro jogo contra o Cruzeiro RS, mas não foi: Dessa vez, a defesa jogou bem, mas o meio e ataque não fizeram o mesmo. Muitas chances perdidas, nada de gol...

Para o 2º tempo fiz uma substituição que mudaria o clima do jogo no ataque: Tirei o colombiano Riascos e pus a joia uruguaia Albarracín. Ainda tiveram dois jogadores que levaram amarelo: O colombiano recém-contratado Soto e Giovanni, aos 2' e 8', respectivamente. Até os 43' o jogo parecia empatado, mas aí veio a revelação do time e fez o gol da vitória. Resultado Final: Grêmio 1x0 Veranópolis.
 
Gr%C3%AAmio%2Bx%2BVeran%C3%B3polis%283%C

Valeu pela vitória time, mas teve um esforço desnecessário em casa.

Depois desses resultados, a tabela final:
 
Tabela%2BGauch%C3%A3o%2B3%C2%AA%2Brodada

E os próximos jogos:
  • 17/01 - Grêmio vs. Brasil de Pelotas / Campeonato Gaúcho
  • 19/01 - Juventude vs. Grêmio / Campeonato Gaúcho
  • 21/01 - Grêmio vs. Ypiranga / Campeonato Gaúcho
Os próximos jogos serão difíceis. O Brasil de Pelotas está na 2ª divisão, mas ainda não apareceu no campeonato. Na 5ª rodada terá o clássico Ca-Ju. Depois vai ser contra o Ypiranga, que anda fazendo uma incrível campanha nas primeiras rodadas.

Episódio 04: Sequência de jogos difíceis

Antes do jogo contra o Brasil de Pelotas aqui em Porto Alegre, teve as perguntas dos jornalistas.

P: Começou bem, clássico é difícil saber quem vence. Tem três jogos difíceis pela frente, são times de tradição e bem montados. - Por Paulo Eduardo

R: Sim, o clássico foi realmente difícil provavelmente por ser lá no Beira-Rio. Sobre os próximos jogos, iremos dar o nosso melhor.

P: Ypiranga do Everton Ruchel surpreendendo na liderança... Qual estilo de jogo e marcação você está usando? Não está achando que os jogadores estão levando muito cartões? Obs: Não seria Clássico Gre-Ju? - Por Henrique Gaúcho

R: Realmente, o Ypiranga na liderança é algo surpreendente. Eu estou utilizando um sistema ofensivo e pesado, mas acho que a principal razão dos nossos jogadores estarem levando mais cartões do que o comum é o entrosamento. Os que mais estão levando cartões são os estrangeiros do time, que são normalmente mais agressivos que os brasileiros. Mas eles também foram os que fizeram os 3 gols da equipe, então não há o que reclamar. E agradeço por denunciar um erro, irei mandar para a direção para corrigir o mais rápido possível.
___________________________________


Errata: No site oficial do time, estava dito que na 5ª rodada era clássico Ca-Ju, mas na verdade é clássico Gre-Ju. Desculpem-nos pelo transtorno.

Agora é hora do jogo, contra o Brasil de Pelotas. Eles começaram mal o campeonato, então tomara que eles joguem mal para nós também. Ontem no treino eu mandei os jogadores terem mais eficiência nos desarmes para evitar agressividade. Começa a partida!

O 1º tempo foi mal para o time. O adversário tinha um elenco um pouco inferior ao nosso, mas mesmo assim o tricolor não conseguiu finalizar e os desarmes estavam maus também, a agressividade diminuiu, porém não houve eficiência.

No 2º tempo o time conseguiu ter mais desarmes, mas as finalizações continuavam pobres. Troquei o sistema de ataque para o meio, e o time começou a melhorar aos 32', até que de tanta insistência o William marcou aos 40'. A equipe continuou o ritmo e Cléber Santana marcou o segundo aos 44'.Resultado Final: Grêmio 2x0 Brasil de Pelotas.
Gr%25C3%25AAmio%2Bx%2BBrasil%2Bde%2BPelo
Obs: Não deu pra tirar print do relatório do jogo certo porque deu uns problemas.
Não consegui ter acesso ao relatório, mas o auxiliar técnico me enviou as screens de cada jogador:
  1. [GK] - Luiz: 9,2
  2. [LE] - Giovanni(SAI 20' 2º): 8,2
  3. [ZE] - Leandro Almeida: 7,6
  4. [ZD] - Kadu: 7,9
  5. [LD] - Pará: 7,6
  6. [VE] - Baraka(SAI Int): 9,1
  7. [VD] - Soto: 8,8
  8. [ME] - Mati Fernandéz: 7,6
  9. [MD] - Cléber Santana: 8,6
  10. [AE] - William: 8,7
  11. [AD] - Riascos(SAI 20' 2º): 6,3
  12. [RE] - Costin Lazãr(ENT Int): 7,7
  13. [RE] - Albarracín(ENT 20' 2º): 4,8
  14. [RE] - Manolis Moniakis(ENT 20' 2º): 6,1

O próximo jogo vai ser clássico Gre-Ju lá em Caxias do Sul, a vitória será fundamental para continuar brigando pela liderança. 
Antes disso, comprei dois atacantes para a categoria de base: Um dele é a maior joia do time e nacional, que promete ser uma verdeira promessa. Mais detalhes da negociação:
tranf3.1.png
Começa a partida!
O 1º tempo foi equilibrado, mas a nossa equipe soube aproveitar mais as chances. Aos 17' William abria o placar no Alfredo Jaconi. Kadu levou cartão amarelo aos 39', mas 6' depois o colombiano Riascos fazia o segundo.
No 2º tempo foi melhor, nos 2' com Riascos fazendo o seu segundo gol, agora de falta. No meio da segunda parte retranquei um pouco um time para não tomar mais gols. O Juventude finalizava mal, passava mal e tinha menos posse de bola em casa. Ainda deu tempo de fazer o quarto, aos 44' William fechou o placar. Um show de nosso ataque. Resultado Final: Juventude 0x4 Grêmio.
Juventude%2Bx%2BGr%25C3%25AAmio%25285%25
Depois desse baile, precisamos voltar para Porto Alegre e nos preparar para o jogo valendo a liderança: Grêmio vs. Ypiranga.
Lembrando que temos 3 vitórias seguidas e sem tomar gol há 3 rodadas também. Incrivelmente, o Ypiranga ganhou do Internacional lá em Erechim por 2x1. Parece que vai ter um duelo equilibrado.Começa a partida!
O 1º tempo foi ruim para os dois lados. William marcou para a gente aos 21' e 7' depois Laerte empatou para o Ypiranga. Apesar de ter gols, a partida estava feia porque a maioria das finalizações saia errada, e tinha muitas. Baraka levou o seu segundo cartão amarelo(contando com o do Grenal) aos 42'.
No 2º tempo novamente uma substituição salvou o time, e foi o mesmo herói. Albarracín entrou no intervalo e aos 4' já teve um pênalti a favor da gente. Foi ele quem cobrou e marcou. Depois eu resolvi retrancar o time e garantir a vitória, botando 3 zagueiros e fazendo um 5-4-1. No final da partida, o guerreiro uruguaio Albarracín marcou aos 32' e terminou assim. Resultado Final: Grêmio 3x1 Ypiranga.
Gr%25C3%25AAmio%2Bx%2BYpiranga%25286%25C
E com esse resultado, conseguimos a liderança tão batalhada e sofrida.
Tabela final:
Tabela%2BGauch%25C3%25A3o%2B6%25C2%25AA%
E os próximos jogos:
  1. 24/01 - São José vs. Grêmio / Campeonato Gaúcho
  2. 26/01 - Grêmio vs. Novo Hamburgo / Campeonato Gaúcho
  3. 28/01 - Lajeadense vs. Grêmio / Campeonato Gaúcho

Os próximos jogos serão fáceis, pois os adversários estão bem abaixo na tabela. O ponto ruim é que muitos jogadores do nosso time estão cansados. O jogo mais difícil será contra o Lajeadense lá em Lajeado, mas não será um desafio.

Abraços, Edu.